Universidade

Procurando apartamento!

blog camila

Oi pessoas, tudo bem?

Como vocês já sabem me mudei de apartamento e resolvi compartilhar com vocês um pouquinho dessa trajetória e algumas dicas legais que podem ajudar você que é estudante, mora fora e também está a procura de um cantinho para chamar de “seu”.

Tive pouco tempo para organizar tudo pois fui pega totalmente de surpresa com a mudança. Então começo dizendo a vocês que sim, dá para conseguir um lugar pra chamar de lar com um tempo curto. Basta pesquisar bastaaaante e principalmente manter a calma.

Quando eu soube que teria que sair do apartamento que morava meu chão caiu. Surtei super no primeiro dia, não vou mentir. Afinal a única coisa que possuia era meu quarto e algumas coisas de cozinha. Logo, ali estava eu, numa cidade que não é a minha, sem teto e sem móveis! Mas o surto não passou de um dia. No dia seguinte acordei determinada e fui atrás de apartamento. Então, não se descabele e relaxe, pois tudo dará certo!

Independente de você ser ou não de Campina Grande, saiba que, a maioria ou praticamente todos os apartamentos próximos à Universidades costumam ter preços bem elevados. Se preferir ficar próximo de onde estuda e não precisar depender de transporte público ou outro meio de transporte, terá que pagar um pouco mais caro por esse conforto, ou dividir com alguém. O que depois de um tempo passou a não me agradar, é muito complicado esse lance de dividir apartamento, mas isso é conversa para outro post.

No caso de onde moro, os apartamentos situados próximos a UFCG que encontei tinham sempre essas características:

  • Bons, porém muito caros e costumavam ter de 2 a 3 quartos. (O que no meu caso não seria necessário já que a intenção era morar sozinha)
  • Ruins e muito caros.
  • De 1 quarto porém ruins e mais caros que os de 2 ou 3 quartos pesando tudo no final.

E quando digo ruins ou bons eu me refiro à quesitos não-pessoais, utilizando apenas o bom-senso como juiz. Quesitos como, localização, segurança, defeitos do apto em si, como estrutura hidraulica/elétrica muito antiga, o que leva à maiores ocorrencias de  problemas em sua utilização como, vazamentos, chuveiro elétrico que não funciona, luz picos de tensão. Além é claro, de levar em conta o custo/benefíicio de todas essas variáveis em relação ao preço do apartamento. Afinal, nem sempre se tem o que quer, mas o que se precisa.

Logo, se você prefere morar sozinho, tem algum meio de transporte ou não se importa em depender de transporte público, procura apartamento em outros bairros, costumam ser mais baratos, novos e alguns até já mobiliados.

No meu caso, não iria valer a pena ter um gasto a mais com móveis pois não falta assim taaanto tempo para terminar meu curso, então fui à procura de um apto mobiliado em outro bairro e encontrei! Acabou saindo muito mais em conta para mim e, meu percuso de ônibus não leva mais que 5 min.

Logo as dicas são:

  • Não entre em desespero.
  • Descubra o que é melhor para o seu caso.
  • Faça uma lista com todos os gastos que terá.
  • Corra atrás e não descanse até conseguir.

Deixo abaixo uma lista com os gastos básicos como base.

  1. Aluguel e condomínio;
  2. Agúa;
  3. Energia;
  4. Internet;
  5. Feira;
  6. Transporte (dependendo de onde vá morar);
  7. Custo para despesas extras como: saúde, água, gás e etc.
  8. Gastos com a Universidade(xerox, lanche, etc…)

Espero que tenham gostado.

Beijos,

Camila Lima.

Anúncios

2 comentários em “Procurando apartamento!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s